domingo, 5 de março de 2017

...

Falo de nuvens
e pesadelos
um modo meu
de quebrar
os vidros
das janelas
e respirar

4 comentários:

  1. Às vezes, abrir não é possível, e é preciso mesmo quebrar. Que lindo, Mi! Boa semana. Bjus

    ResponderExcluir
  2. 'Nuvens e pesadelos'... Paz e tormenta. Tua forma de se expressar, de respirar. Como as minhas gotas de chuva na janela e o trovão, calmaria que lava a vida enquanto o céu grita. Me encanto por metáforas. E a tua foi muito bela!
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. A libertação de um lado meio árduo, não achas?

    Teu poema me fez refletir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito árduo Helen . E quase um vício. Fiquei feliz por você ter passado aqui.

      Excluir