domingo, 30 de julho de 2017

Pêndulo

Entre o voo e a razão
traço quietude e me alimento
de apenas
solidão
Pêndulo cansativo
Vozes e ouvidos interpretam a vida
De quem ?

A frieza das palavras de uma noite nublada enfraquece os possíveis

Pôr fim à repetição da incoerência, traz às horas um romper de luz

Aquecer-me

Foi um vício
Um amor
Não sei...

Transformou a doçura em algo de inexistente nome.

Nenhum comentário:

Postar um comentário