sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

...e nada lhe interessa

Ingênua
Caída no silêncio
e nada lhe interessa .
Só o impossível te abastece
Mas nunca o tens
Do talvez se alimenta 
Encara esses teus olhos
Te aguarda o espelho
Sei .
Que tua verdade
É não ter vaidade
Passeie  em tuas vitrines
finja que nada ofecerece .
Apaixone-se  pela foto
Enquadrando teu vazio
Confesse
Nenhum destino lhe convence .

Milene Cristina

sábado, 21 de dezembro de 2013

Só o saber
Do nada
E desse mesmo nada
Querer
Saber
O por que
Do só
Do nó disfarçado
Das perguntas
que não mais esperam
respostas
São só
Pra tapar o vazio
Do ponto final
Do sal
Da lágrima
Que não chega
Inventa ser só
O alívio
De um destino
Cheio
Num calmo desespero .

Milene Cristina

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Instante

Cristais
Estou através.
Comemoram meus olhos
Bebo lágrimas
Um brinde ao que faltou.

Borbulham os desejos
Ainda...

Vermelho
Um gelo
A queimar o espelho
Não esconde meus segredos
Tontos .

Embriaguei-me de ti
Investi
Suguei teu doce
Até não ter mais gosto

Espreguiçando meu perfume
Durmo
Foi um sonho que bebi .

milene  cristina