domingo, 26 de agosto de 2012

Vem que o tempo não espera

Amor..Vem que a saudade não espera, quem dera fosse assim;
Se pudéssemos protelar o fim,o fim do que dói..O fim de um não querer;
Se esconder de tudo que sua ausência me faz sentir..
Vem amor, volta pro abraço que é só seu
Volta pros nossos planos e conversas sem sentido, vem para o nosso abrigo de sermos nós;
Vem e me faça feliz desse jeito errado que tens de amar;
Quero me entregar, me jogar em nossso insessante e completo louco amor.

Milene Cristina

Nenhum comentário:

Postar um comentário