terça-feira, 20 de março de 2012

Pare

Pare e olhe pra trás, só olhe não volte. Olhando pra trás quantas coisas que pareciam que não iam passar e que hoje lembrando você sorri com uma vaga lembrança na memória. E outras que pareciam não durar muito, e hoje talvez seja a razão de estar feliz.
A vida é engraçada e linda, enquanto podemos ver o sol nascer,
podemos também à cada dia errar, as vezes até errar de novo se você não tiver muito juizo,
mais podemos acertar onde não parecia ter mais jeito.
Mais sempre seguir em frente, por que é bom lembrar, mais não viver de lembrança.
Amar também significa acreditar que as pessoas e situações podem ser melhores.
Quero apenas cinco coisas..
Primeiro é o amor sem fim
A segunda é ver o outono
...
A terceira é o grave inverno
Em quarto lugar o verão
A quinta coisa são teus olhos
Não quero dormir sem teus olhos.
Não quero ser... sem que me olhes.
Abro mão da primavera para que continues me olhando.


Pablo Neruda

sexta-feira, 2 de março de 2012

Sobre o tempo

Ninguém entra no mesmo rio uma segunda vez.
Pois quando isso acontece já não se é o mesmo..assim como as aguas
Que já serão outras..Foi um filósofo grego que viveu no século V antes de Cristo. Herácleto de Éfaso que fez essa formulação que até hoje nos fascina ..O fluxo eterno das coisas, é a própria essência do mundo apontou Erácleto. E se ainda hoje ficamos espantados com isso, é porque nos apegamos teimosamente no que já passou, esperando no fundo que tudo permaneça igual. Então é necessário um filósofo da antiguidade ou um escritor comtemporâneo pra nos fazer entender que nada é permanente à não ser a mudança.
Olha só..eu separei aqui um trecho do "Grande Sertão", onde o Guimarães Rosa fala um pouco sobre isso: Olha só que beleza...
" O mais importante e bonito do mundo é isso...
Que as pessoas não são sempre iguais,ainda não foram terminadas...mais que elas vão sempre mudando . Afinam ou desafinam, verdade maior..É oque a vida me ensinou. Não é incrível?
O filósofo flagra a fluidez, e o escritor se maravilha com isso. É o mais bonito da vida diz Guimarães Rosa. É uma celebração do movimento, não é um lamento.
 "O tempo não pára e isso é belo"...   
 

quinta-feira, 1 de março de 2012

Livros e Flores

"Teus olhos são meus livros;
 Que livro há aí melhor?
 Em que melhor se leia,
 a página do amor?

 Flores me são teus lábios
 Onde há mais bela flor;
 Em que melhor se beba
               O bálsamo do amor?

                            (Machado de Assis)